domingo, 31 de maio de 2015

MARCAÇÃO CERRADA


Sinopse: 
Moxon é reserva do Quarterback Lance Harbor, estrela do time de futebol americano Coyotes. Quando este machuca o joelho, Moxon tem, enfim, a chance de mostrar seu talento, mas vai precisar lidar com a tirania do treinador e a expectativa de toda uma comunidade.

Título Original: Varsity Blues (Estados Unidos da América)
Ano: 1999
Direção: Brian Robbins
Elenco: James Van Der Beek,  Jon Voight,  Paul Walker,  Scott Caan

Trailer:  

Opinião: 
Ontem o time de futebol americano aqui da minha cidade ganhou o SC Bowl X, a final do campeonato catarinense (Parabéns, Timbó-Rex!!). Não consegui ir ao jogo, que foi em outra cidade, mas acompanhei pela internet e pude ouvir fogos de artifício, buzinas e sirenes de comemoração aqui perto de casa. Uma vitória merecida!! Aqui todo mundo fala de futebol americano, entende as regras (ou melhor, parte delas). Depois de ter ido a vários jogos, já estou um pouco mais por dentro das regras, que são muitas e bem complicadas. 
Bom, foi nesse espírito que decidi assistir Marcação Cerrada. É um bom filme sobre esporte, com um elenco muito bom. Vários nomes ali começando a despontar, como Paul Walker e James Van Der Beek. A paixão pelo esporte domina a cidade, que é o passaporte para os jovens saírem e cursarem boas faculdades. A tirania do treinador domina o lugar, pois a maioria dos homens dali jogaram no time. É quase tradição que todos os meninos joguem no time, o que faz com que todos abaixem as cabeças e sejam coniventes com a brutalidade do treinador, colocando em risco, inclusive, a integridade física dos jogadores. 
Se você não muita noção das regras, posições e pontuação do futebol americano não curta tanto quanto eu curti, pois boa parte do filme fica em cima de lances e jogadas. Mas mesmo não fugindo muito da linha e dos clichês de outros filmes do gênero, vale à pena ver. Ótima trilha sonora, com AC/DC, Foo Fighters e Offspring. Inclusive é esse o estilo de música que tocou nos intervalos dos jogos que eu fui (mais um motivo que me faz fã desse esporte).

Nenhum comentário:

Postar um comentário